Qual a melhor dieta para você?


Assunto recorrente no consultório, sempre perguntam qual a dieta mais adequada, qual a que se perde mais peso, como funciona a dieta da proteína e se ela pode ser usada por todos, o que é uma dieta desintoxicante, líquida e por aí vai.

A princípio, é importante ressaltar que cada pessoa tem uma necessidade calórica assim como um estilo de vida diferente. Então, nem sempre o que funciona para um amigo é o recomendado para você. Portanto, o acompanhamento profissional é essencial para garantir resultados satisfatórios e, mais importante - duradouros.

Vamos então falar um pouco das dietas mais comuns:

Plano alimentar personalizado: a mais usada e é garantia de excelentes resultados a longo prazo. Montada de acordo com os hábitos alimentares de cada um, possui opções de trocas alimentares que correspondem mais fielmente às preferências individuais. Pode ser usada para inúmeros objetivos: perda de peso, ganho de massa muscular, manutenção de peso, e por aí vai.

Dieta de restrição de carboidratos: excelente para verificar a sensibilidade da pessoa à ingestão de carboidratos. Rica em proteínas magras, é hipocalórica e dá muita saciedade. Necessário acompanhamento constante para adequação e evolução da mesma ao longo do tempo, reintroduzindo os carboidratos com muita cautela e de acordo com a resposta individual de cada um. Pode ser usada sozinha ou alternada com o plano alimentar personalizado, estimulando o organismo a uma maior perda de peso.

Dieta desintoxicante: pobre em carboidratos e rica em fibras, pode ser usada em inícios de tratamento, para "limpar" o organismo, quando o peso "agarra" ou em algum momento onde é necessária uma perda de peso maior, em um menor período de tempo. Necessária supervisão constante para adequação e evolução individual.

Dieta líquida: como o próprio nome diz, a dieta é totalmente líquida, pobre em calorias e deverá ser usada por poucos dias e em alternância com a dieta de escolha. Ideal para compensar excessos e escapulidas que aumentam a ingestão de calorias e podem colocar em risco todo um processo de reeducação alimentar.

É importante ressaltar que qualquer dieta deve ser feita por um profissional especializado e conhecedor do assunto, que irá garantir a adequação de nutricientes essenciais ao seu organismo, além de prevenir carências nutricionais. 

Pegar dietas prontas na internet, comer só carnes e outros tipos de proteína sem orientação, começar a tomar sopas e chás  o dia inteiro e em substituição à alimentos importantes não funciona e é garantia de recuperação do peso perdido ou ganho de mais alguns quilos.

O acompanhamento nutricional personalizado é essencial para que se aprenda a fazer melhores escolhas alimentares, adequação da dieta à determinadas situações ou períodos e garantir resultados positivos e duradouros.