Índice de qualidade nutricional global


Poucos estudos tem sido realizados com o objetivo de se fazer a avaliação global da qualidade nutricional de uma dieta. Por isso, alguns índices dietéticos estão sendo estudados como uma alternativa para realizar esta avaliação.

Antigamente, maior importância era dada à prevenção da deficiência de nutrientes, e as dietas que supriam as recomendações para energia e para os nutrientes essenciais conhecidos até então eram consideradas adequadas. Com o reconhecimento da idéia de associação de fatores dietéticos à prevenção e promoção de doenças crônicas, características dietéticas associadas à redução do risco dessas doenças foram incluídas à qualidade da dieta.

Relativamente novo, o "Overall Nutritional Quality Index - ONQI" (Índice de Qualidade Nutricional Global) foi desenvolvido por especialistas da Universidade de Yale com o objetivo de ajudar os consumidores (inicialmente os americanos) a realizar escolhas alimentares saudáveis, de um modo mais fácil e rápido.

Ele se baseia na qualidade nutricional de cada alimento, ou seja, no teor em fibras, vitaminas, minerais, antioxidantes, valor biológico das proteínas, tipo de ácidos graxos, tipo de carboidrato, etc. Funciona da seguinte forma: para cada alimento, é atribuído um valor de 1 a 100 de acordo com a sua qualidade nutricional. Quanto mais alta for a classificação atribuída, maior será o valor nutricional do alimento e, portanto, mais saudável será a escolha.

Alguns exemplos: brócolis, couve-flor, kiwi, alface, laranja, espinafre e morango valem 100 pontos. Já o côco, 24. Peito de peru tem 48 pontos, já o salame e as costeletas de porco, 24. No caso das massas, a marca Barilla Multi Cereais tem 91 pontos.

Esse índice traz uma nova proposta para o consumidor, principalmente na hora de fazer compras no supermercado. Nos Estados Unidos, os carrinhos já são equipados com uma máquina onde basta digitar o alimento escolhido e ele lhe dará a pontuação.

Para pessoas em tratamento para perda de peso, pode se tornar um ótimo aliado se usado em conjunto com a tabela de calorias. Com os dois em mãos, fica mais fácil escolher os alimentos, associando valor calórico e qualidade nutricional.

Para conhecer um pouco mais sobre o índice de qualidade nutricional de alguns alimentos, acesse http://www.nuval.com/pages/WhatAreScores.aspx.